Tuesday, December 23, 2014

E Natal chega




créditos : Farrow and Ball

Estamos apenas a um dia do Natal. Tempo de afectos, de luzes e de velas. Tempo de serenidade.

Lá fora, o vento voltou, as nuvens adensam-se em tons que não têm a ver com as cores de Natal

Azevinho, e estrela-de-natal (poinsétia) dão cor a nossas casas. E enfeitam nossas mesas.

Tempo com odores de doçaria, e de memória(s). Ternura com cor. Natal. Momentos com sabores a canela, frutos secos, e doçaria da época.

Quando me sentei para escrever, pensei numa mensagem, simples. Afinal divagara há dois dias na entrada do solstício de Inverno

E foi quando li. Joe Cocker calou-se para sempre. Compreendi por que razão o dia amanheceu mais frio, e o silêncio se fez profundo. 

Percorri as melodias, busquei as palavras, ouvi a voz que canta a alma. 

N'oubliez jamais em Köln (2013). Me encanta. Medito.

A noite de Natal vai chegar. Junto à lareira, um par de asas descansa junto à chaminé. Há uma nova estrela, esta noite.

Um pouco mais intensidade no brilho do olhar. Emoções.

O meu carinho muito especial para todos os amigos e leitores. Aconteça Natal. Paz para o mundo conturbado. E uma vida mais digna para os que pouco têm.


G-S

Fragmentos 

23.12.2014
Copyright © 2014-Fragmentos Culturais Blog, fragmentosculturais.blogspot.com®



12 comments:

João Roque said...

Sim, mais uma estrela a brilhar na noite de Natal, tens razão.

Nilson Barcelli said...

Chega e passa...
Gostei do teu texto e de voltar a visitar-te, pois já não o fazia há imenso tempo.
Mas os amigos nunca se esquecem...
Querida amiga G., espero que o teu Natal tenha sido muito bom. Desejo que tenhas um bom domingo e um Feliz Ano Novo.
Beijo.

Isabel Maria Rosa Furtado Cabral Gomes da Costa said...

Muito comovente o seu registo. Apreciei especialmente o pormenor das asas brancas junto da lareira e da árvore de Natal. Que Deus aconchegue todos os que já partiram, com um manto de luz, e ilumine e agasalhe o coração dos que aguardam a sua vez na estação da vida. Beijinhos mil.

heretico said...

luminoso texto...

votos de BOM ANO!

(sem desistências...)

beijo

Lilá(s) said...


ೋ ♫ FELIZ ANO 2015 ♫ ೋ

Bom Ano 2015 ,com muita saúde ,paz e alegria!

Beijinhos

aflores said...

Continuação de Boas Festas e votos de um Feliz Ano Novo.
Muitas felicidades, saúde e tudo de bom!

Bom Ano.

aflores said...

Continuação de Boas Festas e votos de um Feliz Ano Novo. Muitas felicidades, saúde e tudo de bom.

Bom Ano!

G- Souto said...

Para todos os amigos que aqui vieram, agradeço sensiblizada e respondo com o excerto de poema de Maria Teresa Horta :

(...)

É um tempo de ideais
e de lonjura

De afectos dobados
na clave do peito,
enquanto no coração se insinua

Um júbilo maior
de amor-perfeito.

(in página oficial Facebook)

Feliz 2015 !

Beijos

Daniel C.da Silva (Lobinho) said...

Há quanto tempo, querida GS! Há quanto tempo...

Ler o que aqui se passa é sempre ler um pouco de poesia, ainda que fale de tudo menos disso...

Não comentarei os itens anunciados, mas desejo um belíssimo de reis, e claro, um bom 2015!

Um particular beijinho de amizade!

Nilson Barcelli said...

Voltei para ver as novidades... que não há...
Bom resto de semana, querida amiga.
Beijo.

G- Souto said...

Sim, há quanto tempo, querido amigo Daniel ! Ainda fui uma ou duas vezes visitar o teu blogue, mas como não apareceste, preferi não insistir...

Sei que gostarias mais de me ler numa escrita mais intimista, mas este não foi um espaço destinado a isso. E, no entanto, lá escrevo um texto mais intimista. Natal propicia.

Muito obrigada, espero que também tu tenhas passado uma tranquila noite de Reis. E que o ano 2015 te traga tudo de bom!

Beijinho de amizade.

G- Souto said...

Tens razão, não tenho escrito muito, Nilson.
Primeiro Natal, as festas que se seguiram.

E depois, os acontecimentos que tanto nos abalaram...

Continuação de uma boa semana!
Beijo