Sunday, January 20, 2013

Mítico David Bowie




David Bowie

"His voice sounds slightly less majestic, slightly older, perhaps inevitably. But that gives it a quality that suits the song magnificently. As does the video, which is at once both remarkably simple and somehow very touching."

The Guardian 

Foi a surpresa musical do início de 2013. Talvez a mais mediática. Para mim, foi o encantamento. Gosto de David Bowie. Muito. Saboreio este seu regresso, depois da mágoa provocada pela anulação do concerto no nosso país (2011), por motivos de saúde.



David Bowie
foto: Antonia Hille/Getty Images

Pois foi precisamente no dia de seu aniversário, 08 Janeiro, que David Bowie o místico e misterioso rocker, divulgou o seu último trabalho "Where Are  We Now?". Após uma ausência musical de quase dez anos, todo o mundo da música e em particular os fãs foram agradavelmente surpreendidos. 

A divulgação foi feita no iTunes, depois via Internet, mas antes já Bowie o fizera no site oficial.



Segundo um comunicado de Columbia Records, un label da Sony Music, este tema precede a saída do novo álbum do cantor e autor-compositor britânico, prevista para Março

A publicação deverá coincidir com a inauguração de uma importante exposição-retrospectiva no Victoria and Albert Museum, Londres.



David Bowie

"The V&A has been given unprecedented access to the David Bowie Archive to curate the first international retrospective of the extraordinary career of David Bowie. David Bowie is will feature more than 300 objects that include handwritten lyrics, original costumes, fashion, photography, film, music videos, set designs and Bowie's own instruments."

The V&A

A partir de 23 Março e até 28 Julho 2013, o Victoria and Albert Museum, Londres, acolherá então a primeira exposição consagrada a David Bowie: David Bowie is. Bem gostaria de passar por Londres para fruir de semelhante prazer!



The-Archer-Station-to-Station-Tour-1976

E não é que uma banda indie Velvet Stream, formada por cinco jovens, fez um cover live stream do tema Where Are We Now? Imagine-se o contentamento do grupo, suponho eu, ao ser reconhecido e apoiado por Bowie e com direito a divulgação no site oficial aqui



Velvet Stream pop-rock band






Gostei. Quer da atitude de David Bowie, quer do cover dos Velvet Stream. 

David Bowie continua a ser um dos nomes maiores da música e da estética pop. Não deixe de ler o artigo de Jonathan Ross no The Guardian aqui

As was the case with Miles Davis in jazz, Bowie has come not just to represent his innovations but to symbolize modern rock as an idiom in which literacy, art, fashion, style, sexual exploration and social commentary can be rolled into one.” 

Rolling Stone, magazine

G-S

Fragmentos Culturais

19.01.2013
Copyright © 2013-Fragmentos Culturais Blog, fragmentosculturais.blogspot.com® 

Licença Creative Commons

Referências

Créditos | Credits: fotos The V&C Museum

David Bowie site oficial

8 comments:

aflores said...

Um "Senhor"!!

Foi uma grande e agradável surpresa este regresso. Sempre gostei do David Bowie, e tenho algumas relíquias em vinil, que uma vez por outra coloco no gira-discos. :)

Tudo de bom.

João Roque said...

Um dos grandes músicos do século XX e que continua a ser marcante no século XXI.
Foi um seu concerto em Alvalade há já muitos anos que eu continuo a considerar o melhos concerto a que já assisti.

heretico said...

partilho do teu entusiasmo pelo seu regresso...

admirável longevidsde
e talento...

beijo

vitor cunha said...

O regresso de David Bowie é uma excelente notícia e só comprova que a arte não tem idade embora possa exprimir-se de forma diferente em idade diferente. Venha o CD aguardo com expectativa.
Não tenho comentado mais, porque tenho dificuldade em fzer a comprovação e acabo por perder o texto.

Beijo.

Fragmentos Culturais said...

Mesmo! Um senhor na vida e na arte!

Quase todo o mundo da música ficou surpreendido. E muito agradado.

Tudo de bom, 'aflores'

Fragmentos Culturais said...

Sem dúvida, João! De tal maneira que a exposição no Victoria Albert Museum está a ser aguardada com muita expectativa.

Que maravilha teres assistido ao concerto em Lisboa! Deve ter sido inolvidável!

Fragmentos Culturais said...

... eu sabia, 'Herético' ! Temos vários gostos em comum.

Um beijo,

Fragmentos Culturais said...

Sem dúvida, arte não tem idade, Vítor! Se olharmos para os actores de 'Amor' ou o próprio realizador filme, Haneke!

Claro que a voz, o ritmo, o estar na música é diferente. Mas continua lá!

É verdade que o texto de autenticação é pouco legível em certos aspectos. Já retirara a pedido de uma leitora (deixou de aparecer), mas vi-me a atingida por spam 'robotizado' e activei de novo, pelo menos por uns tempos.

Um beijo,