Sunday, December 2, 2007

Maurice Béjart, o poeta do bailado!




Reuters/Stringer/Files Switzerland 2007

http://news.yahoo.com/photos

Papelinhhos vermelhos caem sobre o palco, enquanto o coreógrafo francês Maurice Béjart sorri na gala do seu 70º aniversário que teve lugar em Lausanne, em 20 de Dezembro 2006.


Maurice Béjart considerado uma das maiores figuras da dança contemporânea, morreu em 22 Novembro 2007 aos 80 anos, na cidade suiça de Lausanne onde dirigiu durante 20 anos a sua Companhia Béjart Ballet.


"Maurice Béjart naît à Marseille, le 1er janvier 1927. Danseur, puis chorégraphe, il débute à Paris.
En 1960, il crée à Bruxelles le Ballet du XXe siècle. Un quart de siècle plus tard, il déplace sa compagnie à Lausanne (Béjart Ballet Lausanne). Ses racines, il les plante là où il travaille."



Fabrizio Bresnch/Reuters 2007
http://news.yahoo.com/photos





Patrick Aviolat/AP/Keystone 2007
http://news.yahoo.com/photos

"Par sa façon de "dire je" dans ses ballets, de traduire les préoccupations et interrogations de ses contemporains, voire d'en avoir la prescience, Maurice Béjart touche le grand public de la danse."

Béjart Ballet Lausanne




Jean Pierre Clatot/AFP 2006
http://news.yahoo.com/photos


Radicado, desde 1987, na Suíça, onde fundou o Béjart Ballet Lausanne, o coreógrafo tornou-se um dos nomes mais importantes da dança contemporânea mundial e a sua companhia numa das mais prestigiadas. As opções por Bruxelas e pela Suíça só surgiram devido ao facto de nunca ter conseguido que lhe dessem um teatro no seu país.


A Portugal, Béjart veio várias vezes, a última das quais em 2004. A mais marcante remonta a 1968, quando foi expulso pela PIDE pelo facto de ter pedido um minuto de silêncio pelas vítimas da guerra colonial, no início de um espectáculo que apresentou no Coliseu. Voltaria em 1974, já depois do 25 de Abril, e várias vezes depois.


Expresso, 22.11.2007


Nas memórias poéticas contadas pelos pais, esse espectáculo decorreu no Teatro Rivoli (Porto), e o espectáculo foi interrompido e dado por terminado pelas autoridades. 



Molière
Stringers/Reuters Files Switzweland 2007

http://news.yahoo.com/photos


O coreógrafo francês Maurice Bejart numa actuação no seu bailado "The imaginary Moliere" na celebração do seu 70º aniversário, em Dezembro de 1996.


"Riche de vingt années d'activités, le Béjart Ballet Lausanne reste fidèle à sa vocation: être l'instrument privilégié d'un des chorégraphes les plus fertiles de ce siècle."

Bejart Ballet Lausanne





Laurent Gillieron/AP/Keystone
http://news.yahoo.com/photos



Maurice Bejart aplaude na celebração do seu 80º aniversário em Lausanne, Suiça em 30 de Dezembro 2006.


"De par sa diversité, de par sa complexité, l'œuvre de Maurice Béjart compte parmi les plus singulières. Le chorégraphe ne suit pas une ligne unique. Il récuse même l'idée de "style". Toujours, il adapte la manière à la matière. En d'autres termes, les moyens artistiques mis en œuvre sont fonction du projet en création."

Béjart Ballet Lausanne





Fotografia: Actualités/Résas
http://www.bejart.ch/

"A l’aube de ses quatre-vingt printemps, le chorégraphe donne naissance à La Vie du danseur racontée par Zig et Puce. Depuis juin 2007, il travaille à sa prochaine création, Le Tour du monde en 80 minutes qui sera présentée le 20 décembre à Lausanne."


Memória de espectáculos que não se realizarão com a sua presença!


G-S


02.12.2007


Copyright © 2010-Fragmentos Culturais Blog, fragmentosculturais.blogspot.com®

Fragmentos de memórias
, Maurice Béjart & Freddy Mercury em jeito de homenagem a dois inolvidáveis artistas do século XX


Licença Creative Commons



15 comments:

avelaneiraflorida said...

SOBERBO!!!!! APLAUDO DE PÉ!!!!!!!
NEM OUTRA COISA MERECERIA BEJART...

"bRIGADOS" POR ESTE MAGNÍFICO POST!

UM RESTO DE BOM DOMINGO!!!

BJKS!!

Fragmentos Culturais said...

É sem dúvida a maior figura, grande 'bardo' do bailado do século XX.

Tenho uma grande admiração pela sua criatividade, pela capacidade de se libertar de 'grilhetas' em arte como na política, pela exuberância de suas coreografias, pela sensibilidade dos seus bailados!

Tive a sorte de ver a sua companhia em actuação no nosso país!

Farewell to true Artist!!

Sensibilizada pelo teu olhar atento e amistoso 'Avelaneira' em 'fragmentos'!

Uma excelente semana para ti!
Um beijo

bluegift said...

Excelente homenagem a um grande Senhor do mundo do espectáculo. Inesquecível.

Tiago R Cardoso said...

Mais uma vez grande post.

Realmente uma excelente homenagem, mais uma vez fiquei informado, mais uma vez agradeço o momento.

Agora mais uma vez compreendo o quanto ainda tenho para descobrir.

quintarantino said...

Tenho de admitir com humildade que não conheço o suficiente da sua obra. Contudo, o pouco que conheço, é-me garante suficiente para saber que foi um grande artista, criador e homem que se perdeu.

Tiago R Cardoso said...

Voltei para responder ao seu comentário lá no Notas Soltas, de facto agora temos uma "Blondewithaphd", já escreveu sábado passado, dia 1.

Fico bastante satisfeito de ver que está atenta ao Notas.

Uma boa semana para si.

7 Pecados Mortais said...

Fico contente por saber que há quem se interesse tanto por arte como tu. Se não fosse o teu interesse confesso que este nome me tinha só surgido na comunicação social. Com a tua investida deste-em um folgo de "fragmentos culturais". Bem Hajas.

Luís Galego said...

extraordinária aqui feita ao poeta do bailado...

Fragmentos Culturais said...

Eu tenho um grande apreço pela sua arte, pela sua mentalidade arrojada, pelos seus gestos verticais!
Foi e será uma grande figura do século XX!

Sensibilizada 'bluegift' pelo olhar poisado em fragmentos!

Fragmentos Culturais said...

Tiago,

Este espaço foi criado com a pura intenção de partilhar fragmentos de sentires meus, mas em relação ao Mundo!
Não pretendo falar de mim...

É óbvio que nas escolhas de textos e imagens, sem querer, reflicto a minha sensibilidade humanística e estética ou 'fragmentos' dela...!

Mas, sempre em função do mundo que me rodeia!

Muito sensibilizada pelo seu olhar fidelíssimo a 'fragmentos'!
Um abraço,

Pois, estou! Claro que estou atenta ao seu espaço!
Mas, nem sempre tenho o tempo que gostaria...

Parabéns pela 'nova' co-autora!

Fragmentos Culturais said...

'Quint',

Béjart não era muito 'amado'... contam as más línguas!

Penso que, regra geral, esse sentimento provém de sentires menos agradáveis quando nos deparamos [falo das pessoas, não de mim!] com uma personalidade vincada e precursora.

Ele 'pegou' no bailado e incutiu-lhe uma nova paisagem, mais contemporânea, mais sedutora, mais humana! Daí que seja olhado como um inovador na dança! Uma figura marcante do século XX, mais uma... que se perdeu nesta metade do ano!

Muito sensibilizada pelo seu olhar tão fiel a 'fragmentos'!
Um abraço

Fragmentos Culturais said...

Olá '7 Pecados',

Como já afirmei em resposta anterior, eu faço deste espaço o meu encanto em relação à cultura!
É um recanto do meu ser, muito acentuado, e que decidi partilhar um pouco, em jeito de monólogo.
Para minha alegria, o monólogo vai-se transformando em diálogo 'informal' e amistoso! E fico feliz com isso!

Sei que muitas outras pessoas 'me' olham! E lamento que não queiram 'tertuliar' um pouco!
Mas, já fico feliz com os 'fiéis' leitores que se vão tornando amigos!

Eu é que agradeço que venhas até 'fragmentos' poisar teu olhar.
Um beijo,

Fragmentos Culturais said...

Sensibilizada, 'Luis' pelo olhar poisado em 'fragmentos'!

É assim que o vejo, Béjart! Esse poeta do gesto feito bailado!

Peter said...

"bluegift", nossa companheira de blog, incluiu o "Fragmentos Culturais" nos n/links.
Em boa hora o fez, pois proporcionou-me a leitura deste óptimo artigo sobre Béjard.

P.S. - Obrigado pela visita

Fragmentos Culturais said...

'Peter'

Fui ao vosso espaço e só encontrei 'posts' assinados por ti! Então, comentei os que me agradaram, no tempo limite que tinha, não esquecendo de agradecer o olhar em 'fragmentos'! Não consegui ver nenhum 'post' assinado pela 'Bluegift':(

Entendi a mensagem e mais uma vez agradeço o olhar da 'Bluegift" e o seu gesto amistoso de inclusão do 'Fragmentos Culturais' nos vossos lnks!

Sensibilizada duplamente pelos olhares e pelo gesto!