Sunday, October 23, 2016

Instantes




Harold Lloyd/Flickr

Vivam, apenas
Sejam bons como o sol.
Livres como o vento.
Naturais como as fontes

Imitem as árvores dos caminhos
que dão flores e frutos
sem complicações.

Mas não queiram convencer os cardos
a transformar os espinhos
em rosas e canções.

E principalmente não pensem na Morte.
Não sofram por causa dos cadáveres
Que só são belos
Quando se desenham na terra em flores.


Vivam, apenas.
A morte é para os mortos.


José Gomes Ferreira, Vivam, apenas


GS

Fragmentos Culturais

24.10.2016
Copyright © 2016-Fragmentos Culturais Blog, fragmentosculturais.blogspot.com® 


2 comments:

AFlores said...

Com instantes assim a semana vai começar e continuar bem! ;)
Tudo de bom.
:)
;)

G- Souto said...

És um bom perscrutador, AFlores...

Tudo de bom!