Sunday, February 10, 2013

Museu Louvre-Lens




Musée du Louvre | Lens
Foto : Hisao Suzuki


Musée Louvre-Lens é um novo espaço museológico situado em Lens. O projecto aberto ao público desde finais de Dezembro 2012, é uma co-criação de vários autores. Apresenta uma dimensão contemporânea muito interessante, a avaliar pelas imagens.



Foto: Christian Schittich

Louvre-Lens nasceu da colaboração do Conseil Régional de Nord-de-Calais e do Musée du Louvre, e marca um novo conceito de museu. O factor de desenvolvimento urbano e económico. 

Sou a favor da descentralização da cultura, aspecto que não é tão frequente assim no nosso país. Mas acreditem! Também não foi uma situação pacífica em França. A ler aqui

"En voulant décentraliser la culture, du musée du Louvre à Lens, on casse la magie et on ne fait que disperser des collections."

Courrier International



Ao visitar o sítio web oficial do Louvre-Lens (aconselho vivamente), descobre-se de imediato o enorme parque paisagístico que oferece belas perspectivas do enquadramento mineiro que o rodeia.

No meio, ergue-se um edifício de arquitectura fascinante (eu gosto de espaços modernos) todo em vidro e metal. No interior dominam a luminosidade e transparência (outras características que aprecio).

Louvre-Lens oferece ao visitante três espaços de exposição. A Galerie du Temps que propõe um percurso inédito que vai do nascimento da escrita até meados do século XIX.  


Foto. David Tardé

Galerie d’exposition temporaire que apresenta "Renaissance - Révolutions dans les arts en Europe 1400-1530", selecção de mais de 250 obras de arte.

E o Pavillon de Verre  que convida a descobrir "une histoire du temps", onde as colecções nacionais dialogam com as dos museus da região, e também com a arte contemporânea.

Acho que não é preciso dizer mais! Basta visitarem o site. Muito completo e fácil de gerir. A descobrir muito mais.

Agora, vamos a outra faceta que me seduz! As tecnologias associadas à arte!



app para smartphone do Musée du Louvre-Lens


As tecnologias revolucionaram as práticas culturais. Encanta-me, e muito! Assim, o Louvre-Lens, como muitos outros museus, hoje em dia, mesmo nacionais, disponibiliza um guia na sua aplicação (app) para smartphone (gratuita) numa visita virtual, realidade aumentada, informações práticas e agenda. Em breve também para ipad. 


screenshot app Musée Louvre.Lens

Bem! Estou encantada! E não tenho dúvida! Se tiver oportunidade, visitarei o Louvre-Lens. Quando? Não sei. 

Mas a semana passada, deixou todos os admiradores da arte de Eugène Delacroix (sou uma entre muitos) devastados.


Foto: Philippe Huguen | AFP

No Louvre-Lens uma visitante vandalizou o célebre quadro La Liberté guidant le peuple (1830) de Delacroix. Veja o video-reportagem de euronews aqui

"Mais le Louvre prend un énorme risque en envoyant des chefs-d'œuvre comme La liberté guidant le peuple de Delacroix au nouveau Louvre-Lens. Il disperse l'une des collections les plus prodigieuses du monde."

Courrier International

Bem, se leu o artigo que elenquei mais acima, fica a pensar... premonição?

Outras notícias mais completas em BBC News aqui ou LE Monde Culture aqui


“Art enables us to find ourselves and lose ourselves at the same time.” 
Thomas MertonNo Man Is an Island

G-S

Fragmentos Culturais

10.02.2012
Copyright © 2013-Fragmentos Culturais Blog, fragmentosculturais.blogspot.com®

Licença Creative Commons


Referências:

Créditos | Crédits

Louvre-Lens: une abrration du politiquement correcte

Vers un musée du futur



10 comments:

João Roque said...

O que por aqui se descobre...

heretico said...

abriste o meu apetite - a arte também se come, não?

beijo

Nilson Barcelli said...

É bom que a cultura se descentralize.
Não sabia que havia outro Louvre...
Querida amiga, tem um bom domingo e uma óptima semana.
Um beijo.

aflores said...

Neste final de tarde de um domingo bastante chuvoso, foi muito agradável esta viagem ao "Museu Louvre-Lens" e à cultura/aprendizagem em geral, que este cantinho proporciona, e eu tanto adoro.

Bem-hajas.

Tudo de bom.

:)
;)

Daniel C.da Silva (Lobinho) said...

Concordo com a descentralização da cultura... Visitei os sites indicados e... deixa água na boca...

Amiga, um beijo!

Fragmentos Culturais said...

Espero que tenhas gostado da visita virtual, João!

Fragmentos Culturais said...

E por que não? Beleza e arte são 'consumíveis'...

Beijo, Herético!

Fragmentos Culturais said...

Sou da mesma opinião, Nilson! Cultura deve ser descentralizada, e cada vez mais.

Fiquei a conhecer este novo espaço do Louvre recentemente. E achei excelente, a iniciativa.

Tem uma boa semana!
Um beijo,

Fragmentos Culturais said...

A foto de abertura do Louvre-Lens dá a entender um dia brumoso. Mas nada que ofusque a beleza do espaço!

Assim, a tua visita a 'fragmentos'...
não sei como agradecer tuas palavras 'aflores'! Amizade ao longo dos anos, neste espaço.

Suponho que gostaste da visita virtual!
Eu gostaria de poder visitar um dia 'in loco'.

Tudo de bom!

Fragmentos Culturais said...

Se deixa, Daniel! Por isso, sonho lá poder ir, um dia...

Um beijo,
(bom ler-te)